Tecnologia na saúde: qual a importância?

A importância da tecnologia na saúde

A tecnologia na saúde proporciona diversos recursos e ferramentas que buscam otimizar e auxiliar os processos médicos e cuidados com o paciente. 

Os avanços tecnológicos permitem mais eficiência e qualidade para atender as demandas de hospitais e clínicas, como:

  • Avanço em pesquisas;
  • Melhora dos atendimentos, promovendo mais conexão entre profissionais da saúde e pacientes;
  • Telemedicina;
  • Equipamentos adequados e de qualidade;
  • Diagnósticos e tratamentos mais precisos;
  • Integração das informações e monitoramento dos pacientes;
  • Melhor custo-benefício;
  • Mais agilidade na distribuição de medicamentos;
  • Exatidão nas técnicas cirúrgicas;
  • Controle de estoque, evitando desperdícios ou falta de materiais;
  • Procedimentos a distância orientados em tempo real (tecnologia 5G)

 

Tendências na área da saúde digital 

Quando falamos de tecnologia na saúde, temas como Inteligência Artificial (IA) e Big Data ganham destaque. Ambos recursos já fazem parte dos serviços de saúde, transformando dados em informações e permitindo direcionar melhor as estratégias e as decisões de maneira personalizada, além de otimizar tarefas e garantir o fluxo de informações seguras para os médicos e profissionais da saúde. 

Outra ferramenta muito útil e que vem se aprimorando cada vez mais são os chatbots, um software capaz de interagir com o ser humano, muito utilizado por diversas empresas para automatizar o atendimento ao cliente. Essa ferramenta na área da saúde otimiza serviços como agendamentos, esclarecimento de dúvidas frequentes e orientações gerais referentes a exames e procedimentos.

Normalmente esses bots funcionam de maneira programada, e direcionam o cliente para um atendimento humano, caso necessário. Porém, atualmente também podemos contar com bots mais avançados que trabalham com inteligência artificial (IA). Esse tipo oferece respostas mais específicas e personalizadas, além de ser capaz de aprender com as interações humanas e se aprimorar a partir de dados oferecidos.

 

Cuidados com as informações 

As tecnologias na saúde trazem possibilidades para proporcionar mais qualidade de vida e segurança à população. Porém, devemos utilizá-las de maneira segura e consciente. 

É importante entendermos que as tecnologias na saúde são aliadas dos profissionais, mas não substituem seu trabalho! Apesar de modernas e inteligentes, ainda se tratam de ferramentas para auxiliar no atendimento – o melhor direcionamento sempre será do profissional especializado em medicina.

 

Como as tendências se encaixam na medicina intervencionista?

A medicina intervencionista, desde o início, já é uma área da saúde que utiliza os recursos tecnológicos para a realização de diagnósticos e tratamentos. É graças à tecnologia que os procedimentos estão cada vez menos invasivos e seguros. 

Assim como em qualquer outra área da saúde, na medicina intervencionista também são utilizados recursos que otimizam o fluxo de trabalho dos profissionais, como a inteligência de dados, que fornece o histórico de informações do paciente para auxiliar a equipe médica e o profissional intervencionista a tomarem decisões. 

Sem contar na qualidade dos equipamentos que evoluem cada vez mais, proporcionando exames de imagem mais nítidos e precisos, trazendo cada vez mais técnicas com soluções rápidas e eficientes.

Acompanhar as evoluções da tecnologia na saúde é essencial para nos adaptarmos ao novo modelo de saúde e cuidado com o paciente, que está evoluindo para se tornar mais acessível e presente no nosso dia a dia.

Esclareça suas dúvidas ou agende uma consulta com um médico especialista

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esclareça suas dúvidas ou agende uma consulta com um médico especialista

Favor preencher os seus dados